terça-feira, 31 de janeiro de 2017

Frango ao Limão e Alho

Uma delícia fácil de preparar, que certamente entrou para o cardápio aqui de casa! Vou fazer sempre!


Você vai precisar de:
* 1 kg de filézinhos de frango;
* Sal;
* 4 dentes de alho esmagados;
* Suco de dois limões;
* Raspas da casca de 1 limão;
* 1 fiozinho de óleo;
* 1 colher (sopa) de margarina;
* 2 colheres (sopa) de maionese;
* 50 ml de água quente;
* Salsinha picada a gosto.

Tempere os filézinhos de frango com alho, sal, o suco de limão, e metade das raspas de casca de limão. Deixe neste tempero por 30 minutos. Após esse período, tire o frango do tempero, mas reserve o liquido da marinada. 
Coloque o óleo e a margarina em uma frigideira e doure o frango. Retire da frigideira e arrume em uma travessa. Retire a frigideira do fogo, e sobre o douradinho que ficou no fundo dela, despeje o liquido da marinada, a maionese, o restante das raspas de casca de limão, e a água. Retorne ao fogo e deixe engrossar, mexendo sempre com uma colher de pau. É rapidinho! Despeje esse molho sobre os filés de frango, polvilhe salsinha, e sirva a seguir!

Dica da Suzy
Para que seu frango (ou carne) "pegue" bem os temperos, experimente usar um saquinho plástico! Tempere como pede a receita escolhida, coloque tudo dentro de um saquinho plástico limpo, aperte suavemente para retirar o máximo de ar possível, e amarre. Leve à geladeira e aguarde o tempo da marinada. Depois é só abrir e preparar. Você vai se surpreende com o resultado!



sábado, 28 de janeiro de 2017

Pernil Agridoce (maravilhoso)

 Hoje me bateu um daqueles "siricuticos de panela". Eu tinha o pernil, mas não queria fazer nada parecido com o que estou acostumada a fazer. Então, optei por algo de sabor marcante, utilizando  os ingredientes que eu tinha em casa. O resultado? Delicioso! Não dava para parar de comer!
Faça e me conte o que achou!



Você vai precisar de:
* 1 kg de pernil de porco cortado em cubos;
* Sal;
* 1 dente grande de alho picado;
* 1 colher (sobremesa) de molho de pimenta;
* 1 colher (sopa) de amido de milho;
* 1 fio de óleo;
* 1 cebola cortada em tiras;
* 1 colher (chá) de páprica picante;
* 1 colher (chá) de páprica doce;
* 1 colher (sopa) de gengibre bem picadinho;
* 1 xícara (café) de catchup picante;
* 100 ml de vinho branco seco;
* 100 ml  de água quente;
* Cebolinha para polvilhar.

Tempere o pernil com o sal, o alho e a pimenta. Deixe no tempero por 1 hora. Junte as pápricas.
Coloque um pouco de óleo em uma frigideira funda,  e frite ligeiramente os cubos de pernil, até que estejam dourados de todos os lados. Polvilhe o amido sobre o pernil e mexa. Junte as tiras de cebola, o gengibre, e o catchup. Volte a mexer, e deixe no fogo até que o catchup escureça um pouco, adquirindo um tom marrom. É rapidinho!  Assim que atingir esse tom marrom, junte o vinho e a água, e deixe ferver até reduzir o caldo à metade. Nesse momento o caldo estará grosso, e é isso que queremos. Transfira para uma travessa e polvilhe a cebolinha picada. Sirva a seguir, com arroz branco e purê de batatas.
Ah...se prepare para os elogios! Eu ouvi muitos! 


Dicas da Suzy
Vale a pena ter as pápricas em casa. Páprica é uma especiaria feita do pimentão vermelho e  dura muito tempo se bem fechadinha em um potinho. Tanto um tipo como outro, podem ser usadas em várias receitas.
O gengibre eu também tenho sempre na geladeira. Compro uma raiz pequena bem firme, e mantenho em um saquinho na gaveta dos legumes da geladeira. Ele se conserva por quase três meses!





quarta-feira, 7 de dezembro de 2016

Biscoitinhos de Canela (fácil)

Ah, esses biscoitinhos de canela...
São simplesmente deliciosos! E como se não bastasse ser o melhor acompanhamento para um cafézinho ou chá, eles bem embaladinhos, servem como lembrancinhas de Natal! E o perfume que espalham pela casa enquanto estão sendo assados? Ai..ai... 


Você vai precisar de:
* 2 xícaras (chá) de farinha de trigo integral;
* 1 xícara (chá) de açúcar mascavo;
* 1 colher (chá) de fermento em pó;
* 3 colheres (chá) de canela em pó;
* 1 colher (café) de gengibre em pó (opcional);
* 1 pitada de sal;
* 1 colher (sopa) de mel;
* 1 ovo;
* 1/2 tablete de manteiga sem sal;
* mistura de canela e açúcar para decorar 
( 1 colher (chá) de canela + 2 colheres (sopa) de açúcar).

Em primeiro lugar, retire a manteiga e o ovo da geladeira, pois eles devem ser usados em temperatura ambiente. 
Peneire o açúcar mascavo e a farinha de trigo, para descartar qualquer gruminho e deixar tudo soltinho. Junte o sal, a canela, o gengibre, e o fermento. Reserve.
Bata com a batedeira o açúcar, o ovo, o mel, e a manteiga. Ao atingir uma mistura homogênea, despeje sobre a mistura seca reservada, e misture tudo. Com as mãos, amasse suavemente bem até obter uma massa homogênea. Ela fica meio grudentinha, mesmo. Faça bolinhas do tamanho de brigadeiros, e coloque em uma assadeira untada e enfarinhada deixando espaço entre elas. Amasse ligeiramente com um garfo. Leve ao forno baixo, pré-aquecido, e deixe assar por 20 minutos. Ao retirar do forno, seus biscoitinhos estarão macios. É assim mesmo! Eles vão terminar de secar e ficar crocantes fora do forno. Passe-os ainda quentes pela mistura de açúcar com canela.
 Espere esfriar bem, e guarde em potes com tampa ou embale charmosamente para presentear!



sábado, 12 de novembro de 2016

Gelatina Arco-íris (fácil)

Essa é uma receita já bem conhecida na internet...mas não é uma gracinha? Adoro esse visual. 
Existem várias maneiras de prepará-la, e eu desenvolvi o meu jeitinho, que agrada muito ao paladar da minha família.
Sim, demora um pouquinho para ficar pronta, quase um dia inteiro, dependendo das camadas, mas é bem fácil de preparar, e o resultado vale muito a pena, tanto pelo sabor, como pelo visual.
Vamos lá?



Você vai precisar de:
- Pacotes de gelatina de sabores diversos;
- Água fervente e gelada;
- Leite condensado;
- Creme de leite;
- 1 pingo de óleo.

Você reparou que não coloquei quantidades, né?! É que você vai fazer camadas coloridas de acordo com o tamanho de sua forma. Essa que usei é bem grandinha, e serviu 13 pessoas. Ela tem um fundinho removível, o que facilita desenformar. Caso você não tenha dessas com fundo removível, use outra qualquer, e para desenformar, passe rapidamente por água quente. Você pode também fazer em uma travessa funda de vidro transparente, e servir sem desenformar. Fica lindo!
Vamos lá, encha a forma com água, e pingue o óleo nela. Agite um pouco e jogue a água com óleo fora. Emborque a forma e reserve. Está untada! 
Ferva 200 ml de água e dissolva a primeira gelatina. Assim que ela estiver bem dissolvida, junte 200 ml de água gelada. Você obteve 400 ml de gelatina dissolvida, certo? Despeje 200 ml dessa gelatina na forma e leve à geladeira. No restante da gelatina, junte 3 colheres (sopa) de leite condensado e 3 colheres (sopa) de creme de leite. Misture bem, e reserve fora da geladeira. Depois de 90 minutos, a primeira camada de gelatina já estará endurecida, sobre ela despeje delicadamente a camada cremosa, e leve à geladeira. Prepare imediatamente a próxima camada, e mantenha fora da geladeira enquanto a camada cremosa endurece na geladeira. Você vai reparar que as próximas camadas vão endurecer mais rapidamente que a primeira, pois entrarão em contato com as primeiras, que já estarão geladas. Vá repetindo as camadas até completar sua forma. Após a última camada, mantenha sua gelatina na geladeira por no mínimo 3 horas antes de desenformar e servir. 
Depois disso tudo, se prepare para os elogios!



sábado, 5 de novembro de 2016

Bolo Surpresa de Ovomaltine (Fácil e Maravilhoso)

(Postagem recuperada de: sexta-feira, 27 de julho de 2012)

Imaginem fazer um bolo, que quando cortado revela a cobertura escondida?
Ele é simplesmente fantástico, tanto no sabor, no visual, e na praticidade!
Com vocês, o Bolo Surpresa de Ovomaltine!!!




Você vai precisar de:

Para o Creme:
* 2 caixinhas de creme de leite;
* 2 colheres de margarina culinária;
* 1 xícara de Ovomaltine;
* 2 xícaras de açúcar.
Misture bem todos os ingredientes do creme, e leve ao fogo baixo, mexendo sempre até engrossar (ponto de mingau grosso). Isso pode demorar um pouco. Reserve.

Para a Massa:
* 3 ovos;
* 1 xícara de óleo;
* 1 xícara de leite morno;
* 1 xícara de açúcar;
* 2 xícaras de farinha de trigo;
* 1 xícara de Ovomaltine;
* 1 colher (sopa) de fermento em pó.
Bata no liquidificador os ovos, o óleo, e o leite. Enquanto eles batem, coloque em uma tigela, o açúcar, a farinha, o Ovomaltine, o fermento, e misture. Nesse ponto, a mistura do liquidificador, deve estar bem batida, com espuminha cremosa. Despeje essa mistura sobre os ingredientes secos que estão na tigela, e misture bem com uma colher de pau, até que forme uma mistura homogênea. Despeje essa massa em uma forma de furo central, untada e enfarinhada. Sobre a massa ainda crua, despeje o creme reservado. Não precisa misturar! Apenas vá despejando sobre toda extensão da massa. Esse creme se ajeitará sozinho durante o cozimento. Leve ao forno médio por 40 minutos. Retire do forno e deixe amornar antes de desenformar delicadamente. A parte de baixo da massa, deve ficar virada para cima ao desenformar. Espere esfriar bem, e sirva!




ATENÇÃO:
 Não abra o forno antes de 30 minutos de cozimento!
Respeite a ordem que pede a receita: 
- primeiro faça o creme;
- depois bata os ingredientes úmidos, enquanto  prepara os secos;
- utilize a forma de furo central, que não pode ser muito pequena, pois o bolo rende bem!

05/08- Algumas pessoas tiveram dificuldade para desenformar o bolo. Para que isso ocorra com facilidade, existem dois pontos que não podem falhar: 
- a forma deve estar beeeeem untada e enfarinhada (principalmente no fundo);
- o creme de Ovomaltine deve estar grosso como um mingau.
Se uma dessas etapas não estiver correta, o bolo não vai mesmo desenformar com facilidade!



quarta-feira, 19 de outubro de 2016

Desidratando Ervas (muito fácil)

Quantas vezes compramos ervas e elas acabam estragando na geladeira? É óbvio que ervas frescas são sempre mais saborosas, mas desperdiçar nos dias de hoje chega a ser pecado!
Não vai usar toda erva que comprou ou colheu? Desidrate!
Neste caso, fotografei cebolinha, mas dá para desidratar
todas as ervas!


A cebolinha, na maioria das vezes apresenta um gel no interior de suas folhas, então, antes de desidratar corte a base e esprema delicadamente com a ponta dos dedos até que o gel saia.
Coloque as folhas inteiras espalhadas entre duas folhas de papel toalha (uma por baixo e outra por cima), leve ao microondas em potência máxima por 1 minuto. Abra e sinta com os dedos se estão secas em ponto de esfarelar. Caso não estejam, coloque por mais 1 minuto (ou 30 segundos) e volte a sentir a textura. Assim que começar a esfarelar, tire do microondas, coloque as folhas secas sobre uma nova folha de papel toalha. Depois de 5 minutos basta esfarelá-las com as mãos e guardar em um vidro bem vedado e seco. Veja que a cor se mantém viva! Se suas ervas desidratadas pegarem umidade, certamente estragarão. Então nada de virar o vidro diretamente sobre o vapor da panela! Despeje a quantidade que for usar em um recipiente à parte e feche imediatamente o vidro.
A cebolinha é mais suculenta, portanto talvez sejam necessários 2:30 minutos para que fiquem desidratados. Já com as folhas mais finas como salsa, coentro, manjericão, orégano, alecrim e hortelã, 90 segundos bastarão!
Lembre sempre que a potência dos fornos de microondas variam de aparelho para aparelho. Portanto vigie, e após um minuto, vá regulando o seu microondas de 30 em 30 segundos! Assim não haverá perigo de estragar suas ervas!

domingo, 28 de agosto de 2016

Rondelli de Ricota com Nozes

Rondelli é um dos pratos preferidos aqui em casa. 
Minha família adora!
Parece ser um prato complicado de fazer, mas não é!!
Vamos lá?


Bem, desde que aprendi a fazer rondelli com massa de pastel, de boa qualidade, é claro, a minha vida ficou bem mais fácil!

Você vai precisar de:
* 500g de massa de pastel;

Para o recheio:
* 300g de ricota fresca;
* 1/2 copo de requeijão;
* 2 colheres sopa de maionese;
* 1/2 caixa de creme de leite;
* 1/2 xícara (chá) de nozes picadas;
* Sal a gosto;
* Salsinha a gosto;
* 3 colheres (sopa) de parmesão ralado.

Esfarele a ricota, junte todos os outros ingredientes e misture bem, até obter uma textura homogênea. Reserve.


Para o molho
* 1 cebola pequena picada;
* 2 colheres (sopa) de margarina;
* 2 colheres (sopa) de farinha de trigo;
* 1 colher (chá) de sal;
* 700ml de leite (ou um pouquinho mais);
* 1/2 copo de requeijão;
* 1/2 caixinha de creme de leite;
* Pitadas de noz moscada.

Coloque uma colher de margarina no fundo de uma panela grande, e leve ao fogo. Junte a cebola, e refogue até esteja transparente. Junte a outra colher de margarina, e assim que derreter, retire a panela do fogo, junte a farinha e misture bem para incorporar à margarina. Junte o leite, e o sal, e volte ao fogo, mexendo sempre até que engrosse, e fique parecido com um mingau. Junte o requeijão, e mexa até que esteja bem dissolvido. Apague o fogo, junte o creme de leite, e a noz moscada. Misture delicadamente e reserve. Esse molho para rondelli não pode ficar muito grosso, então se ficar, junte mais leite.

Montagem
Abra aproximadamente 60cm de massa de pastel sobre uma superfície, mantendo o plástico na parte de baixo. Espalhe recheio por toda a massa de forma uniforme. Solte a ponta da massa do plástico e comece a enrolá-la como um rocambole. Enrole o rocambole no plástico e leve ao freezer por 1 hora.
Passado esse período, retire do freezer, desenrole,  e corte fatias de aproximadamente 1,5 cm.
Coloque um pouco de molho bem quente em um refratário, arrume os rondellis sobre ele, cubra com molho, polvilhe parmesão e leve ao forno pré aquecido por 30 minutos.
Sirva a seguir, e corra para os elogios! 








Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...